Peter Higgs, pai do bóson de Higgs, morre aos 94 anos Ciência

[ad_1]

O cientista britânico Peter Higgs, o famoso descobridor do bóson de Higgs, morreu na segunda-feira aos 94 anos em sua casa em Edimburgo, segundo o jornal. guardião. O pesquisador nascido em Newcastle upon Tyne ganhou o Prêmio Nobel de Física de 2013 por sua descoberta teórica de um mecanismo que explica a origem da massa das partículas subatômicas, um palpite que foi confirmado décadas depois por experimentos do Large Hadron Collider. da Organização Europeia para a Investigação Nuclear, perto de Genebra (Suíça).

A matéria comum – das bananas ao jornal – é composta de pequenas partículas que agem como tijolos. Uma das propriedades básicas da maioria dessas partículas é que elas têm massa. Também existem forças entre essas partículas que são mediadas por outro grupo de partículas. Em 1964, Peter Higgs propôs uma teoria da existência de uma partícula que explica por que outras partículas têm massa: o bóson de Higgs. Os físicos belgas François Englert e Robert Brot levantaram a mesma ideia ao mesmo tempo, de forma independente. Higgs e Englert dividiram o Prêmio Nobel de 2013. Brut também o teria recebido, mas morreu há dois anos.

[Noticia de última hora. Habrá actualización en breve]

Você pode seguir Tema em Facebook, é E Instagramou cadastre-se aqui para receber Nosso boletim informativo semanal.



[ad_2]

..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *